Milionário brasileiro doa fortuna, viaja o mundo e vive feliz em uma van

0
134
Foto: Dylan Magaster
Foto: Dylan Magaster
Essa história foi originalmente contada pelo fotógrafo Dylan Magaster, que tem um canal no Youtube, onde traz histórias de pessoas que ele conhece pelo mundo.

Mazzi foi criado por uma rica família e tornou-se um jovem obcecado por dinheiro, luxo e mulheres. Após nascer e crescer no Brasil, mudou-se com sua família para Dubai quando tinha apenas 14 anos. Não poderia se sentir mais vivo, já que o local se tornou referência de riqueza e ostentação material.

Aos 23 anos ele traçou uma meta de vida nada simples: queria ser milionário antes dos 30. E conseguiu. Com toda sua riqueza, Mazzi pôde satisfazer todos seus sonhos luxuosos, exibindo todas suas conquistas que sua fortuna podia comprar, inclusive se auto presenteando com uma Ferrari em seu aniversário de 30 anos. No entanto, Mazzi notou que apesar de sua riqueza, não tinha felicidade e por isso precisava de mudanças.

Sua mudança só começou quando sofreu um acidente de carro. Ele se chocou com outros cinco carros e fez com que sua Ferrari voasse literalmente por cima de uma caminhonete, porém, sem nenhuma vítima. Passando aquela noite na cadeia por causa do acidente, chegou a um insight: Sua vida estava restrita a um círculo de pessoas superficiais.

Foto: Dylan Magaster
Foto: Dylan Magaster

Por isso Mazzi decidiu fazer uma longa viagem, passando por vários locais do mundo, mas sem o luxo de se hospedar nos melhores hotéis que sua riqueza podia pagar. Com apenas sua mochila básica, decidiu ver o mundo de um ângulo mais simples. Ficando em albergues, usando transportes público e até mesmo pedindo caronas. Em sua jornada como mochileiro ele conheceu Milena, a mulher que mudou sua vida “Quando conheci Milena, ela se encontrava muito doente, tentando vencer um câncer. Ela precisou fazer um transplante de medula óssea e depois acabou sofrendo com um tumor na tireoide.”

Mazzi que já tinha doado a metade de sua fortuna em projetos sociais, inclusive numa vila de pecadores no sul do Brasil com um hospital para atender os moradores locais. O restante, acabou gastando no tratamento de Milena: “Estar junto dela nesse momento de sofrimento foi um aprendizado para mim. Mesmo sem eu ser o doente percebi o quanto se gasta com a saúde, nós gastamos mais de um milhão de dólares com despesas hospitalares. ” Foi nessa época que veio mais um insight para Mazzi, queria desenvolver um trabalho que pudesse fazer mudanças na vida das pessoas ou possibilitar que elas mesmas fizessem essa mudança. “Eu decidi abrir um negócio bem diferente voltado para espiritualidade e meditação. Compro coisas de diferentes culturas como remédios naturais usados por índios, pedras, sais, incensos e objetos relacionados a isso”, o nome do projeto é “Spice of my People”. Ele também tem um pequeno restaurante vegano em Vilcabamba, no Equador, o UFO (United Falafel Organization).

Foto: Dylan Magaster
Foto: Dylan Magaster

Atualmente ele mora em uma van e faz muitas viagens com sua casa móvel: “Vilcabana, no Equador é minha base. Um pequeno lugar na montanha onde eu me sinto vivo e, sempre que posso, viajo alguns meses para conhecer novos lugares explorando novas culturas. “

Com esse novo estilo de vida o ex-milionário se sente muito mais feliz: “Percebi que o segredo da minha felicidade, é me desapegar de muitas coisas que acumulei durante minha vida. Fazia parte de minha riqueza muitas propriedades e em Dubai e outros lugares do mundo. Isso me deixava sempre preocupado com minha grana no banco e como ia gastar todo esse dinheiro. Agora vejo que essas coisas não têm mais importância, pois sei que o segredo para viver feliz é viver presente. Acabei notando que quanto mais eu me manter alinhado com minha situação atual, mais feliz sou, as pessoas certas sempre vêm a mim no momento certo e tudo vai se encaixando, fazendo a vida ficar mais significativa. Nunca fui tão feliz em minha vida. Não tinha foto minha sorrindo naquele estilo de vida anterior, mas agora é impossível tirar o sorriso do meu rosto. ”

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here